Os patrocinadores mais curiosos do futebol brasileiro

Não é segredo pra ninguém que para o esporte sobreviver é necessário ter um patrocínio. No Brasil, o esporte preferido dos patrocinadores é o futebol, mas enquanto os grandes clubes conseguem patrocínios milionários de grandes empresas, os pequenos tem que se virar para sobreviver e vender suas cotas de patrocínio para qualquer empresa disposta a pagar para estampar a sua marca nas camisas de seus jogadores.

O Blog 72DPI foi apurar e listou os patrocinadores mais curiosos do futebol brasileiro.

O Paraná, que luta para sair da série B do campeonato brasileiro, fechou uma parceria com o Memorial Parque das Araucárias, uma empresa de serviços funerários.

O Boca Júniors de Cristanópolis leva o nome da banda de forró Mulheres Perdidas.

Outro clube patrocinado por uma banda de forró é o River Plate SE, no caso, a banda é a Calcinha Preta.

O Matonense, clube o interior de São Paulo, foi patrocinado pela marca “Dunga, o biscoito”. Se alguém já comeu esse biscoito, por favor, deixe um comentário.

O Rio Preto, time de São José do Rio Preto, já levou a marca Frango Sertanejo no peito.

Cláudia Leite também já patrocinou um time de futebol. Foi o Coritiba, que entrou em campo com o nome da cantora estampado na camisa junto com a data de um show de Claudinha.

Em 2012, o Corinthians entrou em campo com a marca Jontex na camisa.

Fonte: Esporte Interativo

Os patrocinadores mais curiosos do futebol brasileiro
Quantas estrelas vale o post
CompartilheShare on Facebook5Share on Google+0Tweet about this on TwitterPin on Pinterest0Share on Tumblr0Email this to someone

Comentários:

antonio

Simplesmente Ridículo, mas ilustra bem o cenário do falido futebol atual, um verdadeiro caça niquéis.

Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *